27 de junho de 2013

SAP Brasil cria conselho de canais para se aproximar dos parceiros

Negócios

Iniciativa faz parte da estratégia da companhia chegar em 2015 com 40% das vendas realizadas indiretamente. Hoje esse índice é de 27%.

Secretário da SAP fala sobre a presença da Rota na região de …

$(“#jquery_jplayer_1”).jPlayer( “option”,”solution”, “flash,html”);




  • Secretário responde sobre a atuação da Rota na Região de PP
    (Foto: Flávio Veras/iFronteira)

Clique na imagem para expandir.

O secretário de Administração Penitenciária (SAP) do Estado de São Paulo, Lourival Gomes, fez uma vista à região de Presidente Prudente nesta quarta-feira (26). Na coletiva concedida à imprensa nesta tarde, no Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária do Estado de São Paulo (Sindasp), ele comentou sobre a presença das Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota), considerada a tropa de elite da Policia Militar paulista, que vem patrulhando a região nos últimos meses.

“A presença da Rota não é só aqui na região, mas em todo interior do Estado. Isso acontece sempre. É que, às vezes, a população ainda não se acostumou com as operações e por isso estranhamento”, explicou Gomes.

Com a declaração, o secretário suavizou a publicação feita pela Folha de São Paulo no início da semana, que afirma que a presença do policiamento especial se deve a inúmeras ameaças de uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios paulistas a membros do Ministério Público, do Judiciário, da PM e diretores de penitenciárias.

Questionado, o secretário explicou que a presença da Rota é comum, pois a obrigação dela é combater o crime organizado tanto na capital, quanto no interior do Estado.

Em relação às ameaças que poderiam ter partido pelo crime organizado às autoridades, ele disse que o combate às facções é intenso e sempre haverá ameaças aos agentes da lei. Ele entende que é uma forma dos criminosos tentarem coibir as ações das forças de segurança.

“Em nossa profissão, sempre haverá ameaças, porque lidamos diretamente com presos perigosos. Mas isso é da nossa profissão e não podemos fugir disso, mas sim combater”, afirmou Gomes.

O secretário confirmou que duas incursões foram feitas na Penitenciária 2 de Presidente Venceslau, como mencionava a Folha. “Essa também é uma das ações de obrigação da Rota. Assim como a Penitenciária 1 de Avaré, a P2 de Venceslau também tem criminosos de alta periculosidade, e a nossa polícia toma essas medidas a fim de proteger e coibir ações contras os agentes penitenciários”, concluiu Gomes.

Logo após a coletiva, o secretário se reuniu com membros do sindicato onde a entrevista foi concedida. 

Unisys se associa a programa da SAP para expandir no setor público

Negócios

Empresa passa a fazer parte do SAP PartnerEdge como uma prestadora parceira na área de serviços de missão crítica em órgãos de governo.

Da Redação

A subsidiária britânica da Unisys acaba de se associar ao programa PartnerEdge da SAP como uma prestadora parceira na área de serviços. Segundo a companhia, a união permite acesso a recursos e serviços da fornecedora alemã de software que ajudarão no atendimento aos clientes do setor público com necessidades em projetos altamente sensíveis. 

“Por meio desta nova parceria, a Unisys alavancará sua expertise com as soluções SAP em relação a seu trabalho desenvolvido com a Polícia Metropolitana de Londres, para quem suporta aplicações críticas ao trabalho diário da entidade. Apenas nos últimos 24 meses, a Unisys já entregou à polícia londrina mais de 12 mil dias de trabalho utilizando soluções SAP”, informa a empresa.

A Unisys planeja alavancar seu conhecimento para tratar de projetos altamente sensíveis para clientes entre todos os setores governamentais e autoridades policiais do Reino Unido. Além da expertise neste segmento, a empresa afirma que sua equipe possui aptidões técnicas que cobrem uma ampla gama de tecnologias SAP e a capacidade de aderir às metodologias padrão da indústria, tais como ITIL, Prince 2, PMI e ASAP.

 A empresa planeja ministrar à sua equipe diversos treinamentos com base nas soluções SAP e continuar essa parceria em novas iniciativas comerciais. A empresa continuará fornecendo suporte ao setor público e a outros segmentos que requerem um alto nível de segurança, com base na expertise adquirida no Reino Unido com as soluções SAP.


Diretor do presídio de Mirandópolis (SP) é afastado do cargo



Publicidade

 



DE SÃO PAULO

A SAP (Secretaria de Administração Penitenciária) afastou por suspeita de irregularidades um diretor da penitenciária Nestor Canoa, de Mirandópolis (a 594 km de São Paulo).

A pasta informou que o motivo do afastamento de Paulo Sérgio da Silva é sigiloso. Funcionários disseram à Folha que ele é suspeito de fornecer celulares para presos.

Procurado ontem, Silva não foi encontrado.



Livraria da Folha

Genesis

Sebastião Salgado

De:

Por:

Comprar

Inferno

Dan Brown

De:

Por:

Comprar

Comentar esta reportagem

Termos e condições




Europa sobe com dados alemães e expectativa com Fed

As bolsas da Europa fecharam em alta nesta quarta-feira, impulsionadas pelo aumento na confiança dos consumidores da Alemanha e uma revisão para baixo no PIB dos EUA, que diminui as possibilidades do Federal Reserve reduzir seus estímulos. O índice pan-europeu Stoxx 600 avançou 1,73%, fechando a 284,54 pontos.

O índice de confiança do consumidor da Alemanha atingiu o nível mais alto em quase seis anos em julho, a 6,8 pontos, segundo divulgou o instituto GfK. O índice também superou a previsão de economistas, de uma leitura inalterada de 6,5 pontos. Na França, o instituto nacional de estatística Insee confirmou que a economia teve uma contração de 0,2% no primeiro trimestre de 2013 ante os três últimos meses de 2012, puxada para baixo pelo enfraquecimento da demanda interna e do comércio exterior.

Nos EUA, a terceira e última revisão do PIB do primeiro trimestre mostrou uma forte correção em relação à leitura anterior. A taxa anualizada de crescimento da economia norte-americana foi revista de 2,4% para 1,8%. Esse dado, porém, não pesou nos mercados. Os investidores preferiram acreditar que essa nova análise pode adiar a redução nos estímulos promovidos pelo Fed.

“De uma perspectiva técnica, dada a forte tendência de queda nas últimas sessões, muitos novos compradores voltaram a assumir posições compradas”, comenta Atif Latif, diretor de negociação da corretora Guardian Stockbrokers. Nesse cenário, o índice FTSE, da Bolsa de Londres, ganhou 1,04%, fechando a 6.165,48 pontos. A seguradora Direct Line Insurance Group teve valorização de 3,79%, após anunciar planos de cortar 130 milhões de libras em gastos e demitir quase 2 mil funcionários. As mineradoras tiveram mais um dia de perdas (Fresnillo -3,56%, Anglo American -3,31% e Randgold Resources -3,05%).

Em Frankfurt, o índice DAX avançou 1,66%, para 7.940,99 pontos. As empresas de tecnologia Infineon e SAP lideram as altas, com ganhos de 3,41% e 4,37%, respectivamente. A farmacêutica Bayer teve valorização de 3,01%. Na Bolsa de Paris, o índice CAC-40 subiu 2,09%, encerrando a sessão a 3.726,04 pontos. Os bancos tiveram desempenho positivo (Société Générale +3,52%, BNP Paribas +2,72% e Credit Agricole +3,46%). A Unibail-Rodamco, que investe em imóveis comerciais, saltou 3,43%, depois de ter sua recomendação elevada para “comprar” pelo UBS.

Em Milão, o índice FTSE-Mib teve alta de 2,03%, para 15.362,88 pontos. O índice IBEX-35, da Bolsa de Madri, registrou ganho de 2,83%, para 7.823,00 pontos. Os bancos subiram forte, com destaque para o Santander, que avançou 3,74%, depois do Citigroup elevar sua recomendação para o setor bancário espanhol para “neutro”. O índice PSI-20, da Bolsa de Lisboa, subiu 1,75%, a 5.525,23 pontos. Fonte: Dow Jones Newswires.

SAP lança solução que leva gestão analítica para os dispositivos …

A SAP, companhia germânica líder global no sector de software de gestão empresarial, desenvolveu uma nova solução de implementação rápida que simplifica o acesso à gestão analítica em dispositivos móveis, anunciou a empresa.

Trata-se do “SAP Mobile Analytics”, uma nova solução da tecnológica alemã que permite aos seus clientes empresariais disponibilizar (aos colaboradores) informação em tempo real, para a tomada de decisões fundamentadas, onde quer que  se encontrem.
 
A solução de implementação rápida “SAP Mobile Analytics” disponibiliza software pré-configurado, serviços de implementação e conteúdos para o utilizador final, «mediante um âmbito definido e um custo fixo», permitindo a criação de um canal móvel na plataforma “SAP HANA” e nas soluções de business intelligence (BI) “SAP BusinessObject” ou, ainda, o enriquecimento de aplicações móveis pré-existentes com dados para gestão analítica.

Para os seus clientes, a SAP «pode colocar em funcionamento, em três semanas ou menos, os dados de gestão analítica em dispositivos móveis», acrescenta a fonte.

Veratis lança a primeira solução de integração ao GRC Suíte …


Veratis lança a primeira solução de integração ao GRC Suíte reconhecida pela SAP

Os comentários estão agora fechados para esta entrada

 

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que você será atendido. Importante sobre fonte ou autoria..: O Segs atua como intermediário na divulgação de resumos de notícias (Clipping), através de matérias, artigos, entrevistas e opiniões. O conteúdo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informações advindas das fontes mencionadas, jamais caberá a responsabilidade pelo seu conteúdo ao www.segs.com.br, tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora. “Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligência para nos permitir interpretar os fatos, sem paixão.”(Autoria de Lúcio Araújo da Cunha) O Segs, jamais assumirá responsabilidade pelo teor, exatidão ou veracidade do conteúdo do material divulgado. pois trata-se de uma opinião do autor ou fonte. Em caso de controvérsia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietária do Segs e desde já renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs é uma Ferramenta automatizada e controlada por IP. Para usar e saber mais, leia os TERMOS E CONDIÇÕES DE USO.

Secretário da SAP fala sobre a presença da Rota na região de PP

$(“#jquery_jplayer_1”).jPlayer( “option”,”solution”, “flash,html”);




  • Secretário responde sobre a atuação da Rota na Região de PP
    (Foto: Flávio Veras/iFronteira)

Clique na imagem para expandir.

O secretário de Administração Penitenciária (SAP) do Estado de São Paulo, Lourival Gomes, fez uma vista à região de Presidente Prudente nesta quarta-feira (26). Na coletiva concedida à imprensa nesta tarde, no Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária do Estado de São Paulo (Sindasp), ele comentou sobre a presença das Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota), considerada a tropa de elite da Policia Militar paulista, que vem patrulhando a região nos últimos meses.

“A presença da Rota não é só aqui na região, mas em todo interior do Estado. Isso acontece sempre. É que, às vezes, a população ainda não se acostumou com as operações e por isso estranhamento”, explicou Gomes.

Com a declaração, o secretário suavizou a publicação feita pela Folha de São Paulo no início da semana, que afirma que a presença do policiamento especial se deve a inúmeras ameaças de uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios paulistas a membros do Ministério Público, do Judiciário, da PM e diretores de penitenciárias.

Questionado, o secretário explicou que a presença da Rota é comum, pois a obrigação dela é combater o crime organizado tanto na capital, quanto no interior do Estado.

Em relação às ameaças que poderiam ter partido pelo crime organizado às autoridades, ele disse que o combate às facções é intenso e sempre haverá ameaças aos agentes da lei. Ele entende que é uma forma dos criminosos tentarem coibir as ações das forças de segurança.

“Em nossa profissão, sempre haverá ameaças, porque lidamos diretamente com presos perigosos. Mas isso é da nossa profissão e não podemos fugir disso, mas sim combater”, afirmou Gomes.

O secretário confirmou que duas incursões foram feitas na Penitenciária 2 de Presidente Venceslau, como mencionava a Folha. “Essa também é uma das ações de obrigação da Rota. Assim como a Penitenciária 1 de Avaré, a P2 de Venceslau também tem criminosos de alta periculosidade, e a nossa polícia toma essas medidas a fim de proteger e coibir ações contras os agentes penitenciários”, concluiu Gomes.

Logo após a coletiva, o secretário se reuniu com membros do sindicato onde a entrevista foi concedida. 

Gata é capturada com celulares presos ao corpo em presídio de São Paulo

Os agentes de segurança da penitenciária Osiris Souza e Silva, em Getulina, no interior de São Paulo, flagraram uma cena inusitada na noite desta terça-feira. Eles avistaram o felino andando com certa dificuldade na subportaria da unidade prisional e o atraíram com alimento, evitando que ele entrasse na penitenciária. Quando o animal foi capturado, viram que a gata carregava três celulares presos ao corpo com fita adesiva.


Foto:  Divulgação

Segundo a polícia, o animal seria utilizado para levar os aparelhos até o interior do presídio. De acordo com um dos agentes penitenciários que participaram da captura, o gato foi criado escondido por detentos nas dependências do presídio.

A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) informou que a direção do presídio já investigava uma denúncia de que presos da unidade estariam tentando criar animais domésticos. Ainda de acordo com a SAP, esta é a primeira vez que um gato é usado para levar celulares para um presídio do Estado.

SAP anuncia reestruturação na área de suporte

Com o objetivo de evitar problemas no atendimento ao cliente, a alemã SAP anuncia uma nova estratégia na área de suporte da companhia, nos próximos dias. A informação é do diretor de serviços a clientes da fornecedora de software alemã, Sidney Davanso.

“O anúncio sairá em menos de um mês em todo o mundo e o objetivo é tornar a área de suporte mais pró-ativa para evitar problemas com uma série de serviços. Por exemplo, antes da entrada em produção, iremos avaliar a implementação do ERP (Enterprise Resource Planning)”, explica o executivo.

Além disso, segundo Davanso, durante o período de produção com versões novas teremos uma série de serviços que identificarão as condições adversas que fazem com que o custo total de propriedade da solução SAP caia, o que será agregado como grande benefício aos CIOs (Chief Information Officers).

“A SAP também está revendo a estratégia de manutenção das versões. Porém, a princípio, o prazo de encerramento desse serviço não muda”, finaliza.